Professores beltrãoenses seguem na luta em busca da garantia de seus direitos

0
Evandro Junior

 

A classe educacional de Engenheiro Beltrão segue na luta para ter seus direitos constitucionais garantidos.

Para que isso aconteça, o Ministério Público do Paraná (MP-PR) moveu uma ação cível pública contra a Prefeitura Municipal e contra o prefeito Rogério Riguetti (MDB), cobrando o pagamento dos avanços e de direitos estabelecidos pela Lei Federal.

Ação foi impetrada no ano passado, após inúmeras tentativas de solucionar a questão de forma pacífica, com o pagamento dos direitos aos professores.

De acordo com a APP – Sindicato, em primeira instância, os professores ganharam a causa, já que a prefeitura teria perdido o prazo para manifestação.

A expectativa, segundo a APP, é que o juiz de Direito, Dr. Sílvio Hideki Yamaguchi,  seja notificado e que as providências cabíveis sejam tomadas, visando reconhecer os direitos dos professores beltrãoenses.

FÓRUM – Em posse da decisão, no início desta semana, um grupo de professores esteve no fórum da Comarca de Engenheiro Beltrão para conversar com o magistrado responsável pelo caso. Na audiência, os educadores pediram ao juiz Sílvio Hideki que avalie a questão e que faça com que a lei seja cumprida, garantindo seus direitos.

Deixe uma resposta

Digite seu comentário
Digite seu nome